10 características que todos os inovadores possuem

Segundo o fundador da Business Innovation Factory (BIF), Saul Kaplan, um inovador é alguém que:

01) Sempre pensa em haver um caminho melhor.

02) Sabe que, sem paixão, não há inovação.

03) Adere incondicionalmente às mudanças.

04) Tem a sua própria opinião, mas sabe que lhe falta algo.

05) Aceita sem restrições que a inovação é um esporte de equipe.

06) Qualifica as limitações como oportunidades.

07) Enxerga vantagens nas suas vulnerabilidades.

08) Compartilha abertamente suas ideias e paixões esperando ser desafiado sobre elas.

09) Entende que as melhores ideias estão nas áreas intermediárias entre os silos.

10) Acredita que uma boa história pode fazer muita diferença no mundo.

Kaplan é um entendido no assunto, além de ser ele mesmo um inovador, na BIF – um laboratório para o desenvolvimento e para a avaliação de novos modelos de negócios – ele convive com mais de 5 mil inovadores. A partir de sua experiência, ele pôde criar a lista acima, mas você não deve se comparar a ela. Deve, sim, usá-la como inspiração para novas práticas diárias, assim, poderá desenvolver seu lado inovador!

. . .
Por Victor Mirshawka, palestrante da DVS Educação. Entre em contato para aprender mais sobre conexão, inspiração e transformação.

Você pode se tornar uma pessoa mais criativa, saiba como

Em seu livro Potencializando sua criatividade (DVS Editora), Domênico Massareto – roteirista do seriado “De Volta pra Pista” (Multishow), explica que criatividade é um processo no qual “precisamos de tempo, ferramentas, ‘matéria-prima’, técnica e esforço.”

Isso significa que, na grande maioria das vezes, a criatividade não se manifesta espontaneamente, mas sim como fruto de muito trabalho. Sendo assim, todos temos plenas condições de termos ideias criativas, em qualquer área de trabalho. A criatividade, aliás, é uma vantagem competitiva em todas elas.

Criatividade e repertório

Domênico dedicou no livro “Potencializando sua criatividade”, escrito em parceria com seu pai, o professor da Faap Humberto Massareto, um capítulo inteiro sobre a forte ligação entre criatividade e repertório. Segundo os autores, as duas coisas funcionam quase que interdependentemente.

Para se tornar mais criativo você deve, antes de mais nada, manter seu repertório em constante crescimento. Claro que não é só isso. Como mencionei, criatividade exite trabalho, mas possuir um repertório amplo é a base das boas ideias, possibilita associações de temas e ajuda – e muito – na solução de problemas.

Portanto, veja abaixo 8 dicas para você enriquecer seu repertório e ser mais criativo:

1. Especialize-se em uma área do conhecimento e aprofunde-se nos estudos e pesquisas desse campo.

2. Leia muito sobre tudo e terá um bom nível de informações gerais. Na escola, procure ir além das leituras sugeridas pelos professores em todas as disciplinas.

3. Desenvolva habilidades e técnicas de comunicação eficazes. A comunicação eficaz amplia seus canais de percepção, bem como o torna mais rapidamente aceito em sua rede de relacionamentos. Quanto maior o número de pessoas com quem você se relaciona, mais informações de qualidade recebe.

4. Exercite o cérebro. Atividades intelectuais como quebra-cabeças, palavras cruzadas, charadas, problemas com números, jogos de computador ou testes em geral constituem agradáveis maneiras de exercitar seu cérebro.

5. Ligue-se à tecnologia. Computadores, videogames, tablets, smartphones e até mesmo seu forno de micro-ondas são dispositivos tecnológicos desenvolvidos para facilitar sua vida e potencializar o uso de seu tempo.

6. Discuta e reflita sobre questões éticas pertinentes a sua vida, de sua família ou de sua comunidade.

7. Dedique-se às questões ambientais, sem necessariamente ser um militante, se não for essa sua vocação. Lembre-se de que até a metade do século XXI não vai haver água com tanta fartura e por preços tão baixos como temos hoje.

8. Desenvolva seu repertório cultural. Assista aos filmes que estão em lançamento e dê uma “passadinha” na locadora para alugar alguns clássicos e conferir por que se tornaram clássicos.

Conheça alguns livros sobre criatividade

Livros são fontes de ideias inovadoras! Além de Potencializando sua criatividade, a DVS Editora possui outros títulos que estimulam a criatividade e, é claro, aumentam seu repertório. Clique aqui e conheça mais obras sobre o tema!

Livros sobre criatividade

Os 5 melhores vídeos de Janeiro para empreendedores

O blog insistimento.com.br – aliás, uma ótima dica para empreendedores; fez a lista dos 5 melhores vídeos para (e sobre) empreendedores que circularam pela internet no mês de janeiro. A lista traz ótimas dicas de vídeos que lhe trarão importantes insights sobre carreira, empreendedorismo, perseverança e muito mais.

Há também duas indicações de filmes, uma delas é do documentário Quem se importa, que traz a impressionante jornada de empreendedores sociais que venceram todas as barreiras para colocar em prática suas ideais. Por último temos o filme Happy, também no formato de documentário, a produção vai a fundo no tema da “felicidade”. Vale a pena!

Vídeos empreendedorismo

5. Não desista nunca: a história da Embraer por Ozires Silva

Esse vídeo foi publicado em 2012 pela Endeavor no seu canal do YouTube, mas eu assisti naquele mês e também agora, em janeiro de 2013, porque ele traz uma lição muito especial. Ozires Silva afirma, categoricamente, por meio do próprio exemplo que aquela meta que criamos na mente e dormimos com ela é alcançada desde que nos movamos na sua direção. Decidir voar já é uma aventura e decidir ser o maior da aviação é uma aventura maior ainda.

4. Porque formalizar uma empresa

Trocando em miúdos, nós, brasileiros, costumamos dizer “informal” para algo “ilegal”. É isto. Ponto. Esta é a lição que este vídeo nos deixa de uma forma bem simples e prática. Fábio Barbosa, da Abril, conceitua os motivos pelos quais nós, empreendedores, devemos sempre agir de forma correta saindo da “ilegalidade” fechando lindamente seu discurso com uma frase de Ralph Waldo Emerson.

3. Quem se importa (o filme)

Compre, empreste e dê de presente este maravilhoso filme que dá um, dois, três tapas na cara dos empreendedores que fazem mais do mesmo o tempo todo e que não acreditam no seu poder pessoal. Neste filme, que reúne uma série de empreendedores sociais que levantaram a bunda da cadeira e fizeram aquilo que tinham que fazer: foram empreendedores e mudaram a realidade à sua volta sem governo, politicagem, nada. Foram lá e fizeram.

2. Ensinar a todas crianças sobre comida

Empreender é mudar, é plantar uma nova ideia é fazer, é debater, é instigar. Compartilhando histórias comoventes de seu projeto anti-obesidade o ganhador do Prêmio TED, Jamie Oliver argumenta sobre a necessidade de um ataque maciço contra nossa ignorância em relação a comida. É pra ver, parar e refletir.

1. Happy

O que buscamos? O que todos nós buscamos? A felicidade, é claro? E como ela é? Qual é a fórmula? Quem nós devemos nos tornar para sermos felizes e plenos. Neste documentário brilhante, cientistas estudam a felicidade e nos mostram que ser feliz é algo tão simples que só não fazemos por nos distrairmos demais do nosso objetivo de sermos felizes. Assisti no Netflix Americano, mas deve ter em algum canto da internet além desse também. Vale muito à pena para quem está pensando no que fazer da sua vida.

 

Persuasão: aumente a confiança dos outros em sua pessoa

Olá poderosos persuasores! Eu sei que você deve estar tendo uma grande semana, mas lembre-se de que a pior hora para aprender uma técnica de persuasão é justamente quando você precisa dela. Persuasão é algo que maximizado antes que você precise usar, caso contrários as oportunidades estarão perdidas para sempre. Há coisas que você está fazendo neste exato momento que fazem com que as pessoas não confiem em você. Tenha essa ideia em mente para que possamos continuar com a nossa série QI de Persuasão.

Qual é a resposta para a seguinte pergunta? 

O que você faz quando sente que, durante uma apresentação, a confiança das pessoas em você começa a diminuir? 

a)   Tenta ser mais enfático.
b)   Pede que o público confia em você.
c)   Revela uma fraqueza.
d)   Usa de mais estatísticas.
e)   Nenhuma das respostas acima. Continue lendo