Oito leis para construir uma marca pessoal de sucesso

Se trabalhar a sua marca pessoal convenientemente pode obter um diferencial considerável em relação aos outros. Uma boa marca pessoal pode determinar o alcance de objetivos, a conquista de um trabalho ou cargo, o sucesso numa negociação, entre outras coisas.

Para isso, você deve cuidar de aspetos tão amplos como a apresentação pessoal, a capacidade de comunicação e relacionamento interpessoal, a atitude, a postura e os comportamentos, a capacidade de liderar e motivar-se a si próprio e aos outros.

Na verdade, isso significa que a construção de uma marca pessoal leva tempo e exige ações contínuas. Em contrapartida, uma palavra mal dita ou um ato menos correto podem colocar tudo a perder.

Para facilitar este processo, Peter Montoya, guru do marketing pessoal e autor do livro A marca chamada você (DVS Editora), identificou oito leis que podem fazer a diferença na criação de uma marca pessoal de sucesso:

1. Lei da Especialização
Consiste em posicionar a marca pessoal como especialista numa dada área de ação.

2.Lei da Liderança
Passa por agir de forma a ser considerado o melhor ou um dos melhores na sua área.

3. Lei da Personalidade
Pretende construir a marca pessoal a partir da verdadeira personalidade, de forma autêntica e positiva.

4. Lei da Distinção
Procura expressar a marca de forma única para se distinguir de outras.

5. Lei da Visibilidade
Visa divulgar continuamente a marca pessoal, para que seja recordada e referenciada pelos outros.

6. Lei da Coerência
Consiste em adotar a mesma atitude em público e em privado.

7. Lei da Persistência
Dá tempo à marca pessoal para se desenvolver, até porque os resultados só são alcançados com muita determinação.

8. Lei da Boa Vontade
Torna a marca bem intencionada, gerando confiança e respeito pela mesma.

A partir daqui cabe a cada um definir a melhor forma de colocar essas leis em prática, respeitando sempre a essência do seu “Eu”… Para saber mais, adquira o livro “A marca chamada você”, de Peter Montoya. [Via]

Os piores inimigos no cenário econômico

Por: Gustavo Chierighini, fundador da Plataforma Brasil Editorial e membro do conselho editorial da DVS Editora.

Caros leitores, desde que me tornei economicamente ativo – no início com a posição privilegiada de quem estava apenas começando, mas depois vivenciando na pele as consequências da gangorra de expectativas do entorno do ambiente de negócios – apurei o gosto pela observação, mas com foco especial nas reações e prognósticos captados com aqueles que representam a infantaria nas trincheiras de nossa economia, a saber: o empresariado.

Durante todo esse tempo, convivendo com suas inquietações e angústias, fui aprendendo que o conjunto de problemas conjunturalmente constantes é tão vasto e abrangente que tentar dizimar a todos de uma só vez, ou durante o ciclo de poder de um grupo político (sim, não se iluda, a maior parte das soluções encontram-se em gabinetes governamentais) é tão impossível como contraproducente. Isso sem levar em consideração que diferentes setores apresentam distintas demandas – além daquelas com impacto majoritário. Com esse cenário, o que resta é a seleção de alvos, e em seguida encará-los, um a um, no compasso da viabilidade e da disposição política dos mandatários de ocasião.

O cardápio de alvos é extenso, vejamos: infraestrutura precária com impactos logísticos disfuncionais; baixa qualificação técnico-profissional; complicações nas questões relacionadas ao comércio internacional que dependem da política de atuação de nossa diplomacia; complexa e pesada carga tributária; legislação trabalhista desatualizada e inflexível; massacrante burocracia em praticamente todos os níveis das relações institucionais; insegurança jurídica por conta da confusa legislação e do sistema judiciário lento e oneroso.

Mas quando a conversa se aprofunda e da choradeira se tenta avançar em busca de soluções concretas, eis que surgem duas unanimidades: insegurança jurídica e a interminável burocracia. A opinião recorrente é a de que qualquer ambiente de negócios que esteja ancorado em uma democracia de verdade, traz consigo complicações e regulações a serem tratadas. Contudo, com regras claras que se somam a um eficiente sistema jurídico e sem complicações processuais desnecessárias (burocracia), todo o resto, pode ser enfrentado e aperfeiçoado.

Com a aproximação das eleições em 2014, entraremos em um período fértil para essas discussões, e é bom que isso ocorra, fartamente, pois nada será resolvido por meio da inércia e muito menos com omissão. Será preciso engajamento, e uma agenda comum, livre da prisão das ideologias, profunda, crível e focada.

Em breve não teremos mais opções. Ou enfrentamos de frente os problemas e obstáculos que teimam em se perpetuar, ou jamais conheceremos um Brasil resultante da alta competitividade.

Até o próximo

12 formas de destruir uma equipe competente

Todos sabemos como é árduo formar uma equipe eficiente. Em muitas situações são anos de tentativas, com erros e acertos até que em um determinado momento a orquestra se forma.

Por Gustavo Chierighini, fundador da Plataforma Brasil Editorial e membro do conselho editorial da DVS Editora.

Geralmente ela é entrosada, comprometida, dotada de uma cultura própria, mas que convive com as particularidades. Ela é o sonho de dez entre dez empresários inteligentes.

Mas nem todos atingem esse êxito ao formarem seus quadros, porém entre aqueles que conseguem, um bom número se afunda nas armadilhas do processo de gestão e invariavelmente acabam por destruir aquilo que construíram.

Desta vez, caminhando no sentido inverso, apontaremos aquelas atitudes e práticas que servem para acabar de vez com uma equipe invejável. Continue lendo

Um novo modo de lidar com a concorrência

Obra Superando as Armadilhas da Comoditização mostra como agir quando a redução constante de preços torna-se impraticável; Autor Richard A. D’Aveni trata de exemplos vividos por empresas como Apple, Hilton Hotels, Zara e Harley-Davidson; Obra originalmente publicada pela Harvard Business Press é lançada no Brasil em fevereiro pela DVS Editora;

Superando as Armadilhas da Comoditização é uma obra de alerta para os empresários cujos negócios estão caindo na armadilha da comoditização – uma forma insidiosa de hipercompetição capaz não apenas de tirar sua empresa do mercado, como abalar um setor inteiro e destruir diversos mercados.

O fato comprova-se já na realidade econômica brasileira onde diversos setores vivem a invasão de produtos a baixo custo (principalmente chineses), o que inviabiliza uma concorrência justa e saudável. Continue lendo

Flagras da segunda edição da palestra Gestão Estratégica do Franchising

Na última quinta-feira, dia 22, desta vez em Ribeirão Preto, Adir Ribeiro – Presidente e Fundador da Praxis Education, realizou a segunda palestra de um ciclo organizado pela FAAP sobre o livro “Gestão Estratégica do Franchising” do qual ele e seus sócios são autores . Mais uma vez, no auditório pessoas interessadas em trocar experiências e entender mais sobre o mercado de franquias. Obrigado a todos que participaram.  Estão todos convidados para a palestra que será realizada na FAAP São Paulo no próximo dia 3. Programem-se!

Alguns questionamentos para o futuro empreendedor

Tornar-se dono do próprio negócio é o sonho de muita gente. Muitos planejam atingir esse objetivo ao longo de anos de carreira corporativa, loucos para se livrar das amarras do escritório, da imposição de chefes, das intermináveis reuniões que muitas vezes não levam a lugar algum.

Por Gustavo Chierighini, fundador da Plataforma Brasil Editorial e membro do conselho editorial da DVS Editora.

Porém (e sempre existirá um porém),  ser empreendedor não é necessariamente um passeio pelo bosque encantado. Trata-se antes, de uma atividade que envolve risco, perseverança, demandando coragem, disciplina e, sobretudo, uma atitude de vida profissional absolutamente distinta daquela exigida para um emprego comum.

Cientes disso, elaboramos dez questionamentos para que o futuro empresário possa confrontar seus sonhos com a concreta realidade. Continue lendo

O empregado e a Gestão de Carreira

É recorrente ouvirmos que a gestão de carreira está nas nossas mãos. Entretanto, existem outros atores que influenciam e interferem na velocidade e alcance do nosso objetivo de carreira.

Empregabilidade, autogestão de carreira estão na moda, mas apesar de todo o esforço, nem sempre o objetivo é alcançado. Por vezes, faltam estratégias e ações estruturadas de modo a potencializar a velocidade e o alcance de nossos sonhos.

Por Cláudio Queiroz

Continue lendo

Insight!

Não deixe de conhecer mais sobre a obra. Você não vai se arrepender! Acredite!

E não deixe de curtir a página do facebook do livro. Continue lendo

Alguns flagras da palestra Gestão Estratégica do Franchising – Como Construir Franquias de Sucesso

No dia 12, ocorreu no auditório da FAAP, a palestra Gestão Estratégica do Franchising: Como Construir Franquias de Sucesso. Adir Ribeiro, fundador da Praxis Education, é também um dos autores do livro Gestão Estratégica do Franchising (DVS Editora). Neste encontro, o autor tratou do universo de franquias, que vem tendo grande crescimento no Brasil, e refletirá as possibilidades do negócio e as boas práticas do franchising, seja por meio da Aplicação de viabilidade do negócio; Assuntos jurídicos; Processos e Manuais; Expansão da rede; Capacitação e Treinamento; Relacionamento; Planejamento, Marketing, entre outros tópicos.

Veja como foi.

Continue lendo

Quando os investidores fogem

Caros leitores, vou começar esta matéria de uma forma inusitada, ou melhor, a partir de um tema que aparentemente nada tem haver com o universo dos investimentos e seus operadores.

Por Gustavo Chierighini, fundador da Plataforma Brasil Editorial e membro do conselho editorial da DVS Editora.

Começaremos abordando sobre a atividade de caçar. Sim, essa mesma, a caça esportiva a animais indefesos. O leitor já teve contato com essa atividade? (Aos excessivamente politicamente corretos, as minhas sinceras desculpas). Por mais incrível que pareça, nesta atividade encontra-se parte de um conjunto comportamental que surpreendentemente em muito se relaciona com a nossa temática principal, com a grande diferença de que quando se “caça” investimentos deve-se excluir terminantemente toda e qualquer atividade ou ato que sugira tocaias, dissimulações, armadilhas ou atos e sentidos predatórios. Diante de investidores, toda transparência é pouco, e a relação de confiança deve ir muito além da retórica, sendo marcada por parâmetros claros e meios específicos e estruturados de fiscalização, além do rigor no respeito as normas vigentes. Continue lendo

Preço versus Percepção de Valor – o que mais importa na hora da compra?

Olá poderosos persuasores! Ok. Já é Março e agora é hora de começar o ano pra valer! Lembre-se que a maneira mais fácil de aumentar os seus ganhos é aperfeiçoando suas técnicas de persuasão. Vamos continuar então com nossa série QI de Persuasão. Lembre-se que há 12 leis da persuasão/convencimento e cada uma irá aumentar seus ganhos e capacidade de convencimento.  O segredo é quando e onde você deve usar cada uma delas de modo a embutir, na cabeça de seus clientes, um pensamento que vá de encontro aos seus interesses!

Por Kurt Mortensen

Qual a resposta para a pergunta:

Qual a porcentagem de decisões de compra que são baseadas no preço?

a)  81%

b)  55%

c)  33%

d)  21%

e)  6% Continue lendo

FAAP convida “Palestra: Como Construir Franquias de Sucesso”

No dia 12 de março, às 18h30, ocorre no auditório da FAAP a palestra Gestão Estratégica do Franchising: Como Construir Franquias de Sucesso. Adir Ribeiro, fundador da Praxis Education, é também um dos autores do livro Gestão Estratégica do Franchising (DVS Editora). Neste encontro, o autor tratará do universo de franquias, que vem tendo grande crescimento no Brasil, e refletirá as  possibilidades do negócio e as boas práticas do franchising, seja por meio da Aplicação de viabilidade do negócio; Assuntos jurídicos; Processos e Manuais; Expansão da rede; Capacitação e Treinamento; Relacionamento; Planejamento, Marketing, entre outros tópicos.

A palestra atende às expectativas de empresários do setor, interessados no sistema e acadêmicos, e oferece uma visão esclarecedora e simples de como fazer um negócio deste segmento torna-se bem sucedido.

Venha e participe!  Continue lendo