Menu

Encerrada NRF 2012 com reflexões sobre liderança transformadora

Nós criamos essa Hot News para antecipar algumas informações deste que é o maior evento de varejo do mundo e essa é o último número desta edição. A NRF terminou ontem (dia 18 de janeiro – quarta-feira), foi um dia diferente, um ritmo mais tranquilo… a feira de tecnologia que ocorre em paralelo foi encerrada na terça…

Para nós que estamos com o grupo da ABF a NRF continua! Seguimos agora para mais dois dias de visitas a empresas de diferentes segmentos, por exemplo: tecnologia (NCR), locadora de veículo (HERTZ), vamos visitar a rede mais antiga dos EUA que se chama “The famous Nathans” uma rede de fastfood cujo produto principal é o hot dog, entre outras.

Desde já queremos agradecer pelas mensagens carinhosas e feedbacks positivos sobre a hot news e lembrar que estas informações são só uma parte e que no dia 02 de fevereiro vocês poderão assistir no pós NRF organizado pela ABF. Mais do que a visão da Praxis Education, que estará representada por Adir Ribeiro, haverá a participação e apresentação de feras como Juarez Leão, Paulo Frances e Eleine Belavary.

Acesse http://www.portaldofranchising.com.br/site/content/interna/index.asp?codA=14&codC=1592 e inscreva-se. É sempre uma ótima oportunidade para atualizar-se, trocar idéias e inspirar-se.

Sobre esse último dia: O encerramento da NRF ocorreu através de um grande painel sobre Liderança Transformadora. Participaram os principais executivos da Russel Reynolds (patrocinador), Saks (mediador), Guitar Center, Burberry e Petco.

Brenda da Russel, empresa mundial de outplacement, apresentou algumas pesquisas realizadas por eles e nos chamou a atenção pela alta rotatividade de CEOs (Chief Executive Officer – Diretor Executivo) e quando feita a reposição em 89% dos casos os profissionais vieram de fora das empresas ou da concorrência. A base pesquisada foi de 81 empresas com receitas acima de U$1 bi.

O CEO é o comandante da empresa e nos perguntamos em quanto tempo ele consegue absorver a cultura e o DNA para seguir em frente? Outra coisa que nos vem à mente é em relação ao processo sucessório nas empresas. Quem está cuidando disso? Super reflexão para fazermos.

O tema da gestão de talentos de fato está muito forte nos EUA, nossa percepção como consultoria é de que o cenário econômico menos favorável e o fato deles já terem investido muito em tecnologia os leva agora a direcionar esforços para a importância do atendimento ou do PDV como elemento fundamental da experiência de consumo com a marca.

O tema gestão de talentos apareceu em todas as palestras, sem exceção, o que foi um ponto de destaque para aqueles mais experientes de NRF porque não tínhamos visto isso, dessa forma e intensidade, nos anos anteriores.

Também foi debatido sobre a criação de cultura na empresa e sobre como promover o alinhamento com as equipes. Foram citados vários exercícios, ferramentas de avaliação de cultura, convenções com atividades dinâmicas e jogos, entrevista com equipes, clima organizacional. Fato (já esperado) que há uma distancia grande entre a alta administração e a base que executa essa estratégia.

Uma forma de se criar cultura é trabalhar com três essências:
Convicção – após análise de dados e informações, ter a convicção do caminho a seguir.
Coragem – para tomar as decisões necessárias e arriscadas.
Integridade – sempre se baseando nos valores e proposta (core values and purpose) da empresa.

As pessoas não trabalham pelas empresas, trabalham por propósitos.
A Burberry disse que os “power point´s” tem menos relevância na geração de resultados ou mudanças e que os vídeos tem sido mais fortes e que sempre devem estar disponíveis na extranet. O fato é que as pessoas dificilmente esquecem a forma com que as fazemos sentir. E que esse é ainda um grande desafio para eles.

Mas se operacionalizar esse modelo em uma rede de lojas próprias é difícil, imagine em uma rede de Franquias!

O desafio é tirar a estratégia do papel e colocá-la em prática. Em nosso livro Gestão Estratégica de Franchising falamos longamente sobre todos os pontos fundamentais para reduzir as distâncias e aumentar a eficiência dos resultados e do relacionamento da franqueadora com a sua rede, então nos despedimos recomendando essa leitura (para maiores informações acesse: www.praxiseducation.com.br).

Um forte abraço e até a volta,

Adir Ribeiro, Mauricio Galhardo e Luis Gustavo Imperatore.

<div class=”fb-comments” data-href=”http://blog.dvseditora.com.br/” data-num-posts=”10″ data-width=”550″></div>

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com