Menu
12 dez

1.440 MINUTOS DE VIDA POR DIA PARA REALIZAR SEUS PROPÓSITOS

COMO MELHORAR SUA PRODUTIVIDADE E AUMENTAR SUA PERFORMANCE?

“E pareceres contínuo, tempo tempo tempo tempo… És um dos deuses mais lindos, tempo tempo tempo tempo….”

(Oração do tempo – Maria Gadú)

Você já refletiu sobre o tempo?

Muitas vezes ouvimos frases como “se eu pudesse voltar no tempo faria tudo diferente”; “ah, se eu tivesse outra chance…”; entre outras afirmações, não é mesmo? Mas o fato é que o tempo não volta e este lance de falar que estou trabalhando para recuperar o tempo perdido é um equívoco e um comando errado para seu cérebro. O que você pode fazer é investir tempo novo para recuperar um trabalho antigo.

Certa vez, eu estava em visita numa fábrica, logo após a grande greve dos caminhoneiros, um fato que atrasou demais vários processos de todo o Brasil. Ao perguntar para uma colaboradora por que ela estava trabalhando dobrado, ela me respondeu:

“– É para recuperar o tempo perdido”.

Na verdade ela não sabia o que estava falando, pois jamais iria recuperar o tempo perdido, o que ela estava fazendo era trabalho dobrado (tempo novo e inédito) para recuperar um trabalho que deveria ter sido feito no passado (trabalho antigo).

Uma das principais dificuldades que identifico nas pessoas nos momentos de consultoria são a má gestão do tempo e a falta de disciplina para realizar as atividades cotidianas, o que sempre acaba em desperdício de horas, semanas e até meses de suas vidas.

Em 2009, me aprofundei em um estudo para embasar mais o meu livro Como Construir Objetivos e Metas Atingíveis e, ao me aprofundar, notei que mais de 86% das pessoas não separam um tempo para planejar suas rotinas, agendas e nem estruturam uma produtividade assertiva, ou seja, elas não se organizam para realizar os seus propósitos.  Outro fator curioso, é que 67% das pessoas que trabalham a disciplina atingem níveis maiores de produtividade antes do tempo esperado ou planejado.

Portanto, se você deseja mudar seu status e gerir melhor seu tempo, este artigo é para você. Continue lendo.

Para quem não sabe, nós temos 1.440 minutos de vida por dia. Logo, a vida do profissional de alta performance que deseja ter foco e atingir metas é medida por minutos. Quer um exemplo?

Recentemente, uma pesquisa do IBGE mostrou que as pessoas que vivem no século XXI atingem, em média, 75, 5 anos. Levando em conta esta estatística, imagine que desses 75,5 anos você durma oito horas por dia (o que é comum), significa dizer que você passará cerca de 25 anos em cima da cama dormindo.

Suponhamos também que você tome dois banhos por dia, sendo cada um deles de 20 minutos. No final dos 75,5 anos, você terá passado 2,8% da sua vida embaixo do chuveiro. Veja bem, eu não estou dizendo que você não deve dormir ou tomar banho, mas quando você conhece estes números você recebe a oportunidade de gerenciar melhor o seu tempo.

Incrível não é mesmo?

Ou seja, ao ter acesso a este cálculo você poderá listar o que é preferencial, urgente ou circunstancial e aplicar seu tempo de fato em situações relevantes, porque se você não tiver uma medição também não terá uma gestão.

Se você quiser chegar em sua casa depois do trabalho e tomar um banho de uma hora, não tem problema nenhum. Vá, entre em sua banheira e relaxe o tempo que desejar, entretanto, saiba que mais de 2,8% da sua vida estará indo “para o ralo”, literalmente.

Em suma, um dos principais recursos na hora de gerenciar o seu tempo é saber medir, é justamente aí que muitos profissionais se perdem e acabam afirmando/justificando não ter tempo para realizar seus propósitos de vida e depois querem correr atrás do vento.

Você conhece alguém que vive dizendo “Ah, eu não tenho tempo”; “não realizei porque não deu, o meu tempo é curto”; entre outras desculpas? Ou será que você mesmo é esta pessoa? A falta de gerenciamento se colocada na ponta do lápis apontam resultados significativos, veja:

Certa ocasião eu estava em uma das maiores companhias de bebidas do mundo, falando sobre os 1.440 minutos de vida.  Lá para tantas, o supervisor do setor me disse que muitas vezes utilizava apenas “nove minutinhos” a mais por dia em suas reuniões matinais, quais deveriam ser de 30 minutos.

“– Pois bem, vamos fazer uma conta rápida”, disse a ele.

“– 9 Minutinhos? Vamos lá. 9 minutos a mais por dia, significa 45 minutos a mais por semana, o que dá três horas a mais de reunião por mês. Se você tem uma média de 10 vendedores em cada reunião, significa dizer que são 30 horas, já que você toma três horas por mês de cada um, certo?Isso daria 360 horas por ano, se multiplicarmos direto por 12 (arredondando aqui para ficar mais fácil o raciocíonio).

Suponhamos que cada vendedor faça cinco visitas por hora, isto significa dizer que seriam 1.800 visitas por ano que não foram efetuadas, faz sentido?”

Se assumirmos que cada visita possa gerar R$200,00 em vendas e assumindo que todas se materializem, significa dizer que o custo anual de “nove minutinhos” seria de R$360.000,00.

Então disse pra ele:

“– Isto se trata apenas de sua equipe, agora imagine que você tenha mais 10 supervisores e um gerente, isto significaria que os “nove minutinhos” representariam uma falta de faturamento de R$3.600.000,00 milhões por ano”.

Muitas das vezes as pessoas mencionam o tema bater metas, mas não medem nem gerenciam o tempo, um dos recursos essenciais para atingir metas desafiadoras.

A boa notícia é que você poderá mudar de patamar, sair do estado de inércia para o modo realização se aplicar a metodologia de “gerenciar o seu tempo e manter a disciplina”.

Claro que, para alterar este estado de estagnação para a condição de execução você terá que transformar seu Mindset. No livro O segredo a autora Rhonda Byrne disse que “A vida não está acontecendo para você, ela está respondendo a você.”

Logo, sua mentalidade tem o poder de te limitar ou te impulsionar a conquistar níveis mais elevados.  E para modificar o seu Mindset, na maioria das vezes, esta empreitada exigirá grande esforço de sua parte. Todavia, os resultados serão recompensadores.

30 a 36 DIAS PARA MODIFICAR UM COMPORTAMENTO

Mark Twain disse que “a gente não se liberta de um hábito atirando-o pela janela: é preciso fazê-lo descer a escada, degrau por degrau”. 

Você já ouviu o ditado popular “ninguém muda da noite para o dia”? Grande verdade.

Para quem não sabe, estudos comprovam que um comportamento (seja ele qual for) leva em média de 30 a 36 dias para se modificar, ou seja, nenhum hábito, mentalidade ou conduta se transformam de uma hora para outra, mas por meio da perseverança. Veja um exemplo:

“Eu sou corredor, já faz tempo que pratico corrida e gosto muito deste esporte”. Entretanto, quando eu comecei a correr, levei cerca de 30 dias para começar a me habituar ao novo comportamento saudável. Com a mentalidade não é nada diferente.

“Para que eu chegasse ao nível corredor e participasse de algumas maratonas foi difícil, eu precisei me esforçar – perseverar e não desistir, mas depois meu Mindset foi sendo adaptado aos novos hábitos e a vida começou a me dar outros tipos de respostas.”

Se você deseja iniciar uma metamorfose em sua vida e gerenciar melhor o seu tempo, eu disponibilizei para você uma planilha faça o download agora mesmo e dê o primeiro passo.

https://www.claudiozanutim.com.br/loja/produto/planilha-gestao-da-produtividade/

A senha é: claudiozanutim

Nela, você construirá a sua rotina e agenda, a fim de começar a gerenciar o seu tempo. É muito simples, basta preencher as linhas e começar a medir o seu tempo.

Daqui há um ano, você vai desejar ter começado hoje.

Pronto, você já entendeu que possivelmente desperdiça tempo e energia em coisas irrelevantes e decidiu iniciar uma mudança de mentalidade a fim de não perder mais tempo. Neste momento, pensamentos sabotadores podem surgir dizendo “eu tentei baixar a planilha, mas não consegui”; “depois eu faço”; “vou pensar nisso depois”; “trabalhei a semana inteira com planilhas e agora quero apenas relaxar”; entre outros impedimentos mentais, mas não se deixe vencer. Chega de “mi mi mi”, chegou o momento de você colocar em prática a dica da semana, vamos lá?

  • CRIE UMA ROTINA

Nesta altura, você já deve ter feito o download  https://www.claudiozanutim.com.br/loja/produto/planilha-gestao-da-produtividade/

da planilha não é mesmo? Desta forma, chegou a hora de elaborar sua rotina, pois quem não tem rotina não consegue construir sua agenda/compromisso.

O primeiro passo será estruturar a sua rotina e depois a agenda. Se você conseguir cumprir 70 a 80% da sua agenda, você já será um vencedor. O interessante é que a planilha lhe ajudará a medir seu desempenho. Portanto, se você ainda não baixou corre lá e faça o download agora mesmo.

Na hora de desenhar sua rotina e agenda para segunda-feira, terça-feira, quarta-feira, quinta-feira, sexta-feira, sábado e domingo, deixe alguns espaços para os gaps, nada menos que horas vagas e flexibilidades para os compromissos que surgirem de repente. Uma visita na casa da sogra, da sua mãe ou até mesmo uma reunião de última hora, entre outros imprevistos.

Lembre-se que toda transição exige disciplina e paciência. Desta maneira, faça dela sua aliada e em pouco espaço de tempo você estará usufruindo dos seus resultados.

Estamos chegando ao final deste artigo, mas semana que vem continuaremos com a nova temporada sobre a Matriz de Recursos, uma metodologia que elaborei para você utilizar melhor seus 1.440 minutos por dia de vida.

Vamos entender como trabalhar o nosso comportamento para otimizar e gerenciar o tempo, a forma que você trata as circunstâncias e  como conseguir resultados nunca atingidos antes.

Se você deseja saber mais sobre este tema, entre em contato agora mesmo e agende a sua consultoria. Até a próxima.

Gratidão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back to top
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com